viagra online without prescription buy vicodin buy percocet buy adderall

Extintor – instalação, preços, tipos

Extintores são equipamentos de segurança e prevenção contra incêndio que devem estar presentes em prédios e estabelecimentos comerciais. São cilindros vermelhos que contém material capaz de apagar as chamas de pequenos focos de fogo, porém sua carga é relativamente curta, pois servem principalmente para apagar focos de fogo antes que se transformem em um incêndio.

Extintores portáteis

Diversos modelos de extintores portáteis lado-a-lado

Porém, os extintores estão sujeitos à normatização técnica para serem instalados em locais corretos, além de estarem divididos em classes apropriadas para o tipo de material que estiver em combustão. É extremamente importante seguir corretamente as especificações corretas dos extintores, e usar a classe correta de acordo com o tipo de foco de fogo, para se evitar maiores acidentes.

Extintores – classes e tipos

Os extintores são divididos em classes de acordo com o tipo de fogo a que são adequados a se apagar. No sistema brasileiro, existem quatro classes de extintores, A, B, C e D, cada um com uma especialidade. É importante usar corretamente o extintor conforme a classe do fogo a ser apagado, ou então ele será ineficaz ou até pior, colocando a pessoa em risco. As classes de extintores no Brasil são:

Extintores Classe A

São os extintores de incêndio que devem ser usados em caso de fogo em materiais sólidos, como madeira ou papel. Normalmente a composição dessa classe de extintor é de água ou espuma, e devem ficar restrito ao incêndio em resíduos sólidos, pois podem causar risco de choques no caso de fogo em equipamentos elétricos, ou ajudar a espalhar líquidos que estejam queimando, como álcool ou diesel. Outros materiais ao qual é recomendado em caso de chamas são papelão, borracha, madeira papeis, plásticos ou qualquer outro matéria que deixe resíduos ao ser queimado, como cinzas.

Extintores classe B e C

O extintor de incêndio classe B e C é o recomendado em caso de fogo em materiais elétricos e líquidos inflamáveis. A classe B de seu nome se refere aos incêndios em líquidos e gases, e a classe C se refere aos materiais e equipamentos que podem iniciar fogo com algum curto circuito, iniciando um incêndio.

Esses extintores são compostos normalmente por gás carbônico comprimido ou pó químico, pois em incêndios que envolvam equipamentos elétricos, por exemplo, não se pode usar água ou outro material condutor de energia elétrica. Além disso, o gás carbônico têm o poder de abafar o fogo, já que ele rapidamente substitui o oxigênio ao redor do fogo, sufocando a chama. O princípio do pá químico é semelhante, ao passo que o pó não conduz eletricidade, e com o calor do fogo, libera gás carbônico, sufocando o foco da mesma forma.

Extintores classe D

A classe D se refere aos extintores que são capazes de apagar o fogo que cobre metais inflamáveis. Pouca gente sabe, mas existem certos metais que podem entrar em combustão apenas entrando em contato com o ar ou esmo com a água, como o magnésio, por exemplo. Como esses materiais são pouco usuais em nosso cotidiano, dificilmente encontraremos necessidade de um extintor de casse D.

A única maneira de parar o fogo em um metal pirofórico é usando materiais que sejam capazes dar cobrimento à área inflamável. Usar extintores classe A pode piorar a situação, já que alguns metais queimam inda mais rápido com a água, e os de classe B e C, por ser de caráter gasoso principalmente, não são capazes de cobrir a peça, não apagando o fogo. Por isso, existe o extintor de classe D, composto por matérias como Cloreto de Sódio, capazes de cobrir a peça foco do fogo, parando assim o incêndio.

Tipos de extintores

Tipos de extintores de incêndio disponíveis no Brasil

Extintores normas técnicas e instalação

No Brasil, os extintores de incêndio são regulamentados por normas técnicas da ABNT, o órgão responsável pela normatização e criação de padrões no país. Além disso, o uso e a instalação de extintores em sistemas de proteção contra incêndio é regulamentada por leis estaduais específicas que devem ser consultadas para disposição correta dos equipamentos para que se tenha fácil acesso em caso de princípio de incêndio.

As Normas técnicas da ABNT relacionadas a extintores são:

  • NBR 9443 – Ensaio de fogo em madeira para extintores de classe A;
  • NBR 9444 – Ensaio de fogo em líquidos inflamáveis para extintores classe B;
  • NBR 12992 – Ensaio de condutividade elétrica para extintores classe C;
  • NBR 11716 – Norma para extintores de inc6endio de gás carbônico;
  • NBR 13485 – Vistorias de extintores de incêndio;
  • NBR 10721 – Norma para extintores de incêndio de pó químico;
  • NBR 12962 – Norma para manutenção, recarga e inspeção de extintores de incêndio;
  • NBR 11715 – Norma para extintores com carga de água;
  • NBR 11751 – Normativa para extintores de espuma;
  • NBR 11762 – Normativa para extintores portáteis de material halógeno;

Em geral, além das normas técnicas que regem os padrões de extintores de incêndio, ainda existem as normativas e leis de prevenção contra incêndio específicas de cada Estado. Essas normativas são essenciais pois serão avaliadas em caso de vistorias do corpo de bombeiros para sistemas de proteção contra incêndio. Em geral, ter o aval dos bombeiros sobre esse sistema é essencial, já que ele é cobrado na maioria das vezes para manter um comércio funcionando, por exemplo.

Sinalização extintor de incêndio

Além da disposição correta dos extintores de incêndio em sistemas de proteção contra incêndio – em locais de fácil acesso, bem visíveis e não escondidos atrás de portas ou em cantos de sala – é indispensável que estes estejam corretamente sinalizados, para passarem pela inspeção dos bombeiros, mas principalmente para garantir a segurança das pessoas. As sinalizações ajudam a identificar o extintor e a classe e tipo de fogo ao qual ele é destinado.

Para conhecer os locais corretos de instalação de sinalizações e extintores, contrate uma empresa especializada em sistemas de prevenção de incêndio. Os profissionais desta área  farão uma vistoria no seu estabelecimento e identificarão os locais corretos para a instalação de extintores e sinalizações apropriadas para a prevenção de fogo.

Extintores preços onde comprar

Antes de se comprar os extintores de incêndio, é necessário identificar os locais onde devem ser instalados em seu estabelecimento ou prédio. Para isso, existem várias empresas especializadas em sistemas de prevenção contra incêndios, com a qual é possível fazer vistorias para identificar os locais apropriados para a instalação dos equipamentos anti-chamas.

Extintor de incêndio pequeno

Extintor de incêndio tamanho pequeno

É bastante provável que a própria empresa que faca as vistorias dos sistemas de fogo sejam capazes de fornecer os extintores e a sinalização adequada. Basta pedir um orçamento a eles. Além disso, existem diversas empresas espalhadas no país responsável pela fabricação de extintor de incêndio.

Os preços de extintor de incêndio variam de acordo com a classe de cada extintor e o tamanho dele. A placa de sinalização para o extintor, por exemplo, varia geralmente entre R$ 10.00 e R$15.00.

GD Star Rating
loading...
Extintor - instalação, preços, tipos, 5.0 out of 5 based on 3 ratings

2 Respostas para “Extintor – instalação, preços, tipos”

  1. Gostaria de saber como faço para adquirir o manual técnico do fabricante ou alguma apostila para uso próprio. Desde já o meu muito obrigado.

  2. Gostei muito do site. Mas ainda gostaria de saber um pouco mais sobre o extintor CO2. Fico no aguardo!

Deixe um comentário

viagra online without prescription buy vicodin buy percocet buy adderall