Caixas D’água – volumes e dicas

Diminuindo a pressão da água e evitando sobrecarga nas tubulações internas, a caixa d’água é um importante aliado na construção de um imóvel. Ainda garante a necessidade de abastecimento caso ocorra interrupções no fornecimento de água.

Além de limpa e fechada, deve-se mantê-la impermeabilizada, uma vez que o asseio garante a qualidade da água, não deixando que caiam resíduos e insetos e também que a água da chuva não se misture com a água potável.

Caixa dagua fortlev

Reservatório ou caixa d’água Fortlev.

Comprando sua Caixa D’água

Levando em consideração que uma pessoa gasta por dia de 150 a 200 litros, o tamanho ideal da caixa d’água será de acordo com a quantidade de pessoas que moram na casa. Porém, segundo o Manual de Procedimentos de Vigilância em Saúde Ambiental Relacionada à Qualidade de Água para Consumo Humano, da Secretaria de Estado da Saúde, os reservatórios devem ser suficientes para suprir dois dias de consumo em uma residência, embora varie de localização para localização e o tipo de utilização. Lembrando sempre que, mesmo com esse gasto aproximado por pessoa, é necessário que se economize com simples ações, como tomar banhos mais curtos, evitar lavar calçadas, quintais, carros, escovar os dentes de torneira fechada etc. o consumo exagerado pode tornar a água um elemento escasso.

Quanto maior a capacidade de um reservatório, mais resistente deve ser, pois isso exerce um grande peso sobre a estrutura da construção e deve suportar a carga. Algumas caixas d’água são confeccionadas em aço carbono, com pintura interna em epóxi (resina de poliéster muito forte e de pequeno encolhimento durante a cura) e pintura externa em esmalte sintético, como: tipo taça coluna seca, tipo taça água na coluna, tubular, cilíndrica, fundo cônico, tipo torre, entre outros.

Volumes de caixas d’água

As caixas d’água feitas de polietileno são resistentes, flexíveis e leves, o que contribui na hora de empilhá-las. É comum encontrá-las em tamanhos de 300, 500 e 1000 litros. As feitas de fibras de vidro também são resistentes e bem maiores que as de polietileno; chegam a suportar 50.000 litros. Já as metálicas superam os dois tipos citados anteriormente e variam entre 5.000 e 500.000 litros. Podem ser usadas em sitos e fazendas. Existem ainda as opções em aço, concreto e tipo industrial, que possuem alçapão e desenvolvidas com matéria-prima não nociva, com acabamento reforçado.

reservatorio de 15000 litros

reservatorio de 15000 litros

Limpeza de caixas d’água

As grandes marcas do mercado – Brasilit, Acquavitalle, Precon, Japi, entre outras, são bastante resistentes e fáceis de limpar. Alguns fabricantes recomendam a limpeza de seis em seis meses com os devidos materiais, entre eles: pano úmido, escova de fio de plástico ou fibra vegetal. Não são recomendados detergentes, sabão e afins para não contaminar a água. Encaixe perfeitamente a tampa para que não entre nenhum resíduo de impurezas, principalmente se o Aedes aegypti – mosquito transmissor da dengue – puser seus ovos em pequenas quantidades de água. Evitando o contato da luz com água também não haverá proliferação de bactérias e fungos.

caixa d'água subterrânea

reservatório de água tampado é essencial para a higiene da água como para a prevenção do mosquito da dengue.

Esquema de instalação de uma caixa d’água

Confira a seguir um esquema de instalação de uma caixa d’água. Apesar de muitas instalações simplesmente ignorarem a necessidade de um respiro para a caixa dágua, ele é importante para segurança da tubulação, principalmente em instalações com bacia sanitária com válvula de descarga.

caixa d'água ventilação

Esquema básico de instalação de caixa d’água com saída para ventilação.

GD Star Rating
loading...
Caixas D'água - volumes e dicas, 4.6 out of 5 based on 7 ratings

Deixe seu comentário!

8 respostas para “Caixas D’água – volumes e dicas”

  1. Crisitano disse:

    Olá, obrigado pelas dicas. Tenho duas dúvidas.
    1 Neste esquema insetos podem entrar pelo respiro e cair justamente na água que vai para a rede. Há alguma proteção ou um tipo de válvula que evite isto.
    2 Tenho uma caixa com tampa rosqueada e um banheiro com válvula hidra. Quando dou a descarga percebo que a caixa (consequentemente a tubulação) sofre estresse pelo vácuo, principalmente pelo fato de não entrar ar na caixa. Seria simples colocar um tubo para permitir a entrara de ar mas também entrariam insetos. Qual a solução.

    • Getulio Tadeu Döepfer disse:

      No cano de respiro poderá ser adaptado uma tela bem fininha de preferencia de nylon, dessas usadas em janelas mosquiteiro, que permite somente a passagem do ar.

  2. Randerson Xavier disse:

    Coloquei duas caixas dagua de 500 litros cada dentro da casa e depois forrei a casa ai a tampa da caixa dagua fica soando e escorre fazendo com que fica pingando no forro. podia ter uma maneira de quando a tampa soar ela pingar dentro da caixa e nao fora. mim de uma soluçao para esse problema. obrigado

  3. jair disse:

    Pretendo construir uma estrutura (torre) em concreto para colocação de uma caixa d’água de 1000 litros. a altura será de 5,50m. Estou idealizando furar 4 brocas de 5m de profundidade com ferragem armada mais 1 broca no centro de 6m e interligar todas as estacas com ferro armado e concreto. A grossura (espessura) da torre penso em fazer com tábua de 30cm, ficando o pé direito com 28 de grossura (concreto). Utilizarei para isso 8 ferro de 3/8 com estribos a cada 20cm. Essa estrutura com mão franceza e uma laje ao seu final suporta o pesso de 1000 litros d’água? Posso fazer a base e erguer a torre numa segunda etapa?

    Aguardo resposta.

    Jair Ramos.

  4. James disse:

    Não existe suspiro em projeto nenhum de hidráulica isso e um absurdo, esse suspiro não existe pessoal em instalação hidráulica sou arquiteto e veja bem se isso funcionasse ou existisse já existiria empresas fabricando suspiro com tela ou válvula de retenção ou pressão pra evitar possíveis golpe de aríete , não existe suspiro em caixa d água em lugar nenhum do mundo, estão querendo inventar ciências aqui.

    • Schilling disse:

      Também sou arquiteto, e meu caro James, se engana quando dizes que não há suspiro em lugar nenhum do mundo. Realmente é pouco comum observar essa instalação em sistemas de caixa d’água no Brasil, mas é o correto… Como há muita coisa que DEVERIA ser feita e normalmente não o é.
      O Suspiro não é feito na caixa d’água ou em sua tampa, pois como disse, isso causaria condensação na tampa, mas no barrilete de distribuição que imediatamente sai da caixa d’água, fazendo parte do mesmo sistema. O suspiro é sim importante para evitar golpes de aríete no caso de tubulações com válvula de descarga.
      Caso esteja mais interessado no assunto para seus futuros projetos, o respiro é feito no barrilete de distribuição, com saída ACIMA do nível da caixa d’água, para evitar transbordo. O diâmetro da tubulação que sobe até a saída do suspiro deve ser o mesmo do barrilete de distribuição, e recomenda-se que a saída seja em formato de J invertido, com proteção de tela, para evitar entrada de partículas na tubulação de água.

  5. James disse:

    Estude e pesquise sobre golpe de aríete e o principio dos vasos comunicantes , nao existe suspiro em caixa d agua , vc fazendo isso sua caixa vai suar pela tampa porque vai tirar a pressao do fundo e fazer com que a agua condensse e escorra pela tampa.

    • Schilling disse:

      O golpe de aríete é sofrido pela válvula da descarga, e o princípio de vasos comunicantes se aplica apenas em situações com dois líquidos diferentes que não se misturam, o que não é o caso.

Deixe uma resposta