Blocos de concreto – Construção muito além da alvenaria

Os blocos de concreto são um material que está ganhando espaço rapidamente na construção civil, tendo função estrutural ou não dentro de uma construção. Existem nos mais diversos formatos, bloco, meio bloco, bloco compensador e canaletas que facilitam em muito o fechamento do pavimento, pois recebem a ferragem nos seus vãos, principalmente nas junções de vigas e paredes, lajes e paredes. Apresentam texturas das mais finas, que podem ficar aparentes, até as rústicas, com ranhuras ou com relevos.

blocos de concreto

blocos de concreto, material perfeito para alvenarias estruturais

Tipos de blocos de concreto

Bloco estrutural

Os blocos estruturais (ou blocos vazados de concreto) são recomendados para quem quer passar tubulações elétricas, hidráulicas, cabos de TV, telefone e internet, ferragens da estrutura da construção, ou seja, no interior da parede. Como suporta a carga, não requer pilares ou vigas. Como esse tipo de alvenaria conta com materiais mais resistentes, é uma das escolhas que mais avança na construção.

Cada Obra pode exigir um bloco diferente, de diferente resistência. Quanto mais alto for um prédio de alvenaria estrutura, maior terá de ser a resistência dos blocos. É recomendado que os blocos de diferentes resistências não fiquem alocados no mesmo local no canteiro de obras, e se possível, que se mantenha apenas estocado o bloco usado no momento, para evitar que os blocos sejam trocados durante a obra, por possuirem aparência igual, mas resitências diferentes, o que pode acabar gerando acidentes graves.

bloco de concreto estrutural

bloco de concreto estrutural

Bloco não-estrutural

Bloco naigual ao estrutural na aparência, porém com baixa resistência, não podendo assumir função estrutural em uma obra. Este tipo de bloco possui apenas função de vedação de ambientes em um projeto.

Bloco de concreto celular

Além de pesar 20% do peso do concreto convencional, o bloco de concreto celular (também conhecido como bloco de concreto autoclavado, pedra pomes ou bloco sílico calcário) é ecológico – não polui ao ser fabricado e seus resíduos são recicláveis. É um produto de alta qualidade, permitindo estruturas sólidas e econômicas. Produzido a partir de uma mistura de cal, areia, cimento, água e pó de alumínio, é um produto leve que proporciona “alívio” nas cargas das fundações, economizando concreto e aço. Reduz o consumo de energia para refrigeração já que é considerado um produto térmico. Como suas dimensões são maiores que as dos blocos comuns, tem ganho elevado de produtividade. O termo “autoclavado” consiste em recipiente hermeticamente (completamente) fechado em que se aquece líquido, obtendo altas temperaturas e pressão, indutores de reações químicas. É possível usá-lo em lareiras, jazigos, divisórias, churrasqueiras etc. Outra importante vantagem é a qualidade termoacústica (que diz respeito aos ruídos ou à reverberação sonora e às condições térmicas e de iluminação), sendo usados em paredes internas com acabamento em gesso, azulejo ou massa fina.

Bloquetes de concreto

Os bloquetes (pequenos blocos) intertravados de concreto são soluções ecologicamente corretas, pois permitem a drenagem das águas das chuvas pelos seus vãos, impedindo a impermeabilização completa do solo. Os bloquetes prensados (também chamados de bloquetes intertravados de concreto para tráfego pesado) são feitos em formas metálicas, são resistentes e duráveis, se constituindo numa solução para a pavimentação de áreas externas em geral, como movimentação de carga (caminhão e empilhadeira). Já os vibrados (ou bloquetes intertravados de concreto para tráfego leve) são feitos em formas plásticas ou de madeira, preenchidos com argamassa. Este tipo de piso é destinado às áreas onde o tráfego será apenas para movimento de pedestres. Como sua textura é mais lisa, pode apresentar cores mais definidas.

Blocos de concreto intertravado

Os blocos intertravados de concreto são blocos de pavimentação que são unidos apenaspela pressão que exercem uns sobre os outros – por isso chamados de intertravados. para sua aplicação, é necessária uma contenção firme nas beiradas, como um meio fio de rua por exemplo, ou uma borda de concreto pre-fabricado no caso de um passeio de um jardim. Estão disponíveis em diversos modelos, sendo três tipos principais:

assentamento de blocos intertravados

esquema de assentamento de blocos intertravados

  • bloco sextavado – que tem seis faces ou formato hexagonal, tipo que apresenta o melhor custo-benefício em pavimentação e resiste a tráfego pesado
  • bloco de 16 faces (ou paviess) pode ser aplicado na pavimentação em geral, como residências, indústrias etc.;
  • Bloco holandês (ou paver) bloco em formato de paralelepípedo simples, usado mais em pátios, corredores, quintais, residências, entre outros, possui bom acabamento, embora necessite estar bem intertravado para que não haja frestas.
blocos intertravados de concreto do tipo holandês

blocos intertravados de concreto do tipo holandês

GD Star Rating
loading...
Blocos de concreto - Construção muito além da alvenaria, 5.0 out of 5 based on 3 ratings